Artigos

Acompanhe as dicas e orientações de nossa
equipe médica para manter a sua saúde em alta!

Artigos

O que é

O exame realizado por meio da ultrassonografia é um dos mais recomendados por médicos em busca de um diagnóstico preciso. Além de ser simples e rápido esse tipo de procedimento não expõe o paciente à radiação ionizante, como no caso da radiografia. Por isso mesmo é um exame tão requisitado por médicos das mais variadas áreas da saúde. 

Seja para identificar possíveis doenças, ou para averiguar a evolução de uma gestação e a respectiva integridade do feto, a ultrassonografia possui diversas atribuições. Afinal, por meio de suas ondas sonoras é possível averiguar qualquer tipo de variação anatômica que destoa do convencional, além de constatar mudanças no tamanho e na textura de um determinado órgão.

De forma geral o ultrassom e suas variações, são necessários para a melhor visualização de tecidos moles. Por isso ele não é utilizado para constatação de fraturas ósseas, por exemplo.

Para que serve

O exame de ultrassonografia revela com clareza uma gama de disfunções presentes no organismo do paciente. Tudo isso, inclusive, pode ser constatado em tempo real pelo médico que está realizando o exame, graças ao uso tecnológico de um sonar acoplado a um computador.

Esse dispositivo é responsável pela reprodução e captação das imagens necessárias para um determinado diagnóstico. Em um ultrassom abdominal, por exemplo, será possível constatar possíveis alterações nos órgãos que compõem o sistema digestivo, urinário ou hepático de um indivíduo. 

Processos de formações tumorais também podem ser identificados por meio do exame de ultrassom. Seja por ultrassom endovaginal, ultrassom pélvico e até ultrassonografia abdominal total. 

Evoluções de caráter inflamatório e infeccioso também são verificadas graças a esse preciso exame de imagens. Variações no tamanho de órgãos, derivados de acúmulo e depósito de gorduras, bem como formação de cálculos renais e na vesícula são diagnosticados graças ao ultrassom. Por fim, o ultrassom se faz necessário para a verificação de estreitamentos de vaso e até estiramentos musculares.

Com esse tipo de exame de imagens é possível avaliar o tratamento mais adequado, baseado no que foi captado durante a realização do procedimento. Obviamente que outros exames complementares são recomendados, a fim de compreender melhor o tamanho do agravante proporcionado pela patologia específica. Porém, somente com a ultrassonografia o médico já poderá ter uma boa percepção do tipo de doença a ser tratada.  

Apesar do exame de ultrassonografia não exigir muito do paciente, alguns procedimentos precisam de preparação. No caso do ultrassom abdômen total, por exemplo, é necessário um período de jejum para realização do exame. Geralmente bastam apenas 6 horas sem comer antes da ultrassonografia. Dessa forma os resultados não irão ser influenciados por fatores ligados diretamente à ingestão de alimentos que, por sua vez, podem causar uma extensão e até uma interposição nos órgãos a serem analisados. Portanto, é necessário que o jejum seja realizado antes do exame.

Tipos de ultrassonografia

Existem vários tipos de ultrassom. O mais comum de todos se refere aos de imagens bidimensionais. De forma geral são usados na região do abdômen e na região pélvica.

Diferente do convencional, é o ultrassom com doppler, já que esse utiliza dispositivos para o monitoramento do fluxo sanguíneo. Sendo assim, é possível ter mais clareza sobre a direção em que o fluído está se dirigindo. 

A ultrassonografia por leitura dos pulsos de som dos tecidos, conhecido também como elastografia, se refere ao exame que mensura os graus de rigidez tecidual. Ou seja, é indicado para pessoas que são acometidas por fibrose ou até mesmo cirrose hepática. Esse procedimento é muito recomendado por médicos, já que evitam exames mais invasivos e desconfortáveis para o paciente.

Para quem sofre com problemas cardíacos, o ecocardiograma transesofágico pode ser útil, sobretudo para a obtenção precisa de imagens do coração.

Já a ultrassonografia transretal e a transvaginal são realizadas por meio da introdução de um transdutor para respectiva verificação da próstata e do útero e ovários.

O mais conhecido exame é a ultrassonografia obstétrica para o acompanhamento da evolução do feto no ventre da mãe.  

Preços

Os valores de cada procedimento se diferenciam de acordo com a preparação do exame. De forma geral os exames por imagem ultrassonográfica, independentemente da região a ser analisada, não são caros e dificilmente passam de R$300.

Uma ultrassonografia total do abdômen ou ultrassom pélvica, geralmente, não sai por mais de R$300. Já o obstétrico, que é muito comum, não costuma ultrapassar R$200.

O transvaginal e o de próstata são ainda mais econômicos, dificilmente excedendo o valor de R$150.  

Centro Médico Berrini

Rua Hilário Furlan, 107
Brooklin - São Paulo - SP
CEP: 04571-180

Clique aqui para visualizar o mapa

Horário de funcionamento

Consultas
Segunda a sexta - Das 8:00 as 20:00h

Exames
Segunda a sexta - Das 8:00 as 18:00h
Sabado - Das 8:00 as 12:00h

Novidade!

Agora temos convênio com estacionamento no nº 63 de nossa rua!!