Artigos

Acompanhe as dicas e orientações de nossa
equipe médica para manter a sua saúde em alta!

Artigos

Desde 1991, o dia 14 de novembro é o Dia Mundial do Diabetes, sendo escolhido pela Federação Internacional do Diabetes e pela Organização Mundial de Saúde para conscientizar a população mundial sobre a importância da prevenção e educação nos cuidados de pacientes acometidos pela doença.

 

O diabetes é uma doença crônica, tendo dois tipos mais comuns (tipo 1 e 2) e caracteriza-se pelo aumento dos níveis de glicose no sangue. A forma mais prevalente é o tipo 2 (mais de 80% dos casos), que pode ser prevenida pela adoção de um estilo de vida saudável, uma vez que está relacionado ao sedentarismo e à obesidade. Uma perda de 5-10% do peso corporal, atividade física leve como caminhar 30minutos 5 vezes por semana ou até introdução de medicamentos em casos elegíveis podem prevenir a doença. Qualquer um dos tipos quando não adequadamente tratado, pode levar a múltiplas complicações (perda visual, falência dos rins, doença cardiovascular, amputação de membros, etc).       

O diabetes acomete uma população mundial de mais de 430 milhões de pessoas e se medidas não forem ampla e rapidamente implantadas, a estimativa é que até 2030, uma em cada 10 pessoas apresentará a doença.

Sintomas como a sede e fome excessiva, visão turva, perda rápida de peso, aumento da vontade de urinar e fadiga, servem de alerta para um possível diagnóstico, mas a doença pode ser silenciosa. E por isso, acredita-se que quase metade dos diabéticos desconheçam serem portadores da doença.

O diagnóstico é feito com um simples exame de sangue e é recomendado para todas as pessoas que apresentem sintomas ou fatores de risco associados (sedentarismo, sobrepeso ou obesidade, hipertensos, familiares com diabetes, antecedente de diabetes gestacional).

Neste ano, o tema da campanha é a família. O envolvimento familiar de quem recebeu o diagnóstico de diabetes, independente da idade, é necessário e eficaz em motivar a aderência a um tratamento com maiores chances de um melhor controle, garantindo mais qualidade de vida e menor frequência de complicações.

Esperamos que seja mais um dia de ampla divulgação e muito engajamento de toda sociedade na luta contra o diabetes.

Dra. Juliana D. M. Giannella
Endocrinologista

Centro Médico Berrini

Rua Hilário Furlan, 107
Brooklin - São Paulo - SP
CEP: 04571-180

Clique aqui para visualizar o mapa

Horário de funcionamento

Consultas
Segunda a sexta - Das 8:00 as 20:00h

Exames
Segunda a sexta - Das 8:00 as 18:00h
Sabado - Das 8:00 as 12:00h

Novidade!

Agora temos convênio com estacionamento no nº 63 de nossa rua!!